Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/06/19 às 16h44 - Atualizado em 11/06/19 às 16h46

Acolhimento é o foco de formação

COMPARTILHAR

Guilherme Marinho, Ascom/SEEDF

 

Iniciativa da SEEDF com o MPDFT busca promover o atendimento de excelência

 

Cerca de 380 servidores da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF) participam do curso “Atendimento de excelência como valor estratégico para a Educação”. A formação é uma parceria da Ouvidoria da pasta com o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e acontece nos dias 11 e 12 de junho, pela manhã, no auditório do MPDFT. O intuito dos encontros é humanizar e dar celeridade aos serviços prestados à sociedade.

 

Servidores da SEEDF lotaram o auditório do MPDFT. Foto: Mary Leal, Ascom/SEEDF

A ouvidora da SEEDF, Evelyne Queiroz, destaca que tanto o público interno quanto o externo serão beneficiados pela iniciativa. “O atendimento de excelência é aquele no qual há uma escuta ativa e humanizada. Como órgão público, a gente precisa se envolver com o pleito do cidadão e demonstrar empatia com a questão. Nem sempre é possível atender à demanda, mas é importante acolher quem nos procura, seja servidor ou comunidade escolar”, afirma Evelyne.

 

O curso é ministrado pelo psicólogo do MPDFT José Vanderlei Rolim. Ele conta que um das propostas da capacitação é impactar no desenvolvimento dos estudantes da rede distrital de educação. “Nós, do Ministério Público, cada vez mais, nos aproximamos da Secretaria de Educação para oferecer apoio nestas iniciativas extraordinárias e, assim, poder contribuir para a formação das nossas crianças e dos nossos adolescentes antes que o crime se torne parte da deles”, analisa.

 

Os encontros desta semana são voltados para servidores das três sedes administrativas da SEEDF, das escolas do Plano Piloto e Cruzeiro, bem como das 14 Coordenações Regionais de Ensino (CRE). Até o final de 2019, o curso será oferecido aos profissionais que atuam em unidades educacionais das demais CRE.

 

Rafael Parente: “Somos servidores públicos e o servidor deve servir bem”. Foto: Mary Leal, Ascom/SEEDF

O secretário de Educação, Rafael Parente, salienta a relevância do evento. “Sabemos que estamos aqui para servir, somos servidores públicos e o servidor deve servir bem. Precisamos estar preocupados em melhorar, transformar e levar educação de excelência para todos. Esse curso é muito importante para que a gente continue sempre se aperfeiçoando em servir à comunidade e à rede”,  avaliou Rafael.

 

Trabalho

 

Regina Cavalcanti atua na Subsecretaria de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação (Suplav) da SEEDF com a instrução processual da rede privada de ensino. A profissional é uma das responsáveis pelo credenciamento de escolas particulares. Para ela, a proposta da formação é excepcional. “Todos nós da Secretaria precisamos estar sempre nos renovando, reciclando e atualizando. É um momento válido porque, além de ser um investimento do GDF nos servidores, vai nos proporcionar outra perspectiva do nosso trabalho”, acredita.

 

Atualmente lotada na Subsecretaria de Educação Inclusiva e Integral, Andréa Ferreira é servidora da SEEDF desde 1992 e concorda com a colega da Suplav. “O curso é muito interessante para a gente aprender a lidar com a comunidade, já que a Secretaria atende diretamente o público. Quando chega alguma situação mais complicada, você deve saber tratar com o pai de um aluno, por exemplo. Tem que acolher o cidadão e buscar a melhor forma de ajudá-lo”, finaliza.