gototop

Inscrições para a 13ª edição da OBMEP estão abertas

  Podem participar estudantes das escolas públicas e particulares. Período de inscrição é de 20/02 a 31/03

As inscrições para a 13ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) já estão abertas. Os interessados em participar tem até 31 de março para efetivar a inscrição. Podem participar estudantes das escolas públicas e particulares de todo o país. O objetivo da OBMEP é incentivar o ensino de matemática e descobrir talentos entre estudantes das escolas brasileiras do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano) e do Ensino Médio (1º ao 3º ano).

As provas da primeira fase serão realizadas 6 de junho. Até o dia 19 de junho, os gestores das escolas participantes devem enviar o cartão-resposta dos estudantes classificados na primeira fase. A divulgação dos classificados e os locais de aplicação das provas da segunda fase será feita 11 de agosto. De 14 de agosto a 22 de setembro será feita a indicação pelas escolas, no site da OBMEP, dos professores dos alunos classificados na segunda fase. Já as provas da segunda fase ocorrerão 16 de setembro. A divulgação dos premiados será feita 22 de novembro.

As escolas particulares também estão convidadas a participar da OBMEP, antes destinada apenas a alunos de escolas públicas. A OBMEP vai continuar a premiar 6.500 alunos de escolas públicas com medalhas, mas também destinará medalhas a estudantes de escolas particulares (75 ouros, 225 pratas e 675 bronzes). As unidades particulares ganham o direito a inscrever seus alunos na OBMEP, mediante o pagamento de uma módica taxa, destinada a cobrir os custos de logística. As regras, a inscrição e a participação nas duas fases serão as mesmas da OBMEP para as escolas públicas. Haverá medalhas destinadas especificamente aos alunos da rede privada.

Em 2016, participaram da OBMEP 47.474 escolas, 17.839.424 estudantes de 99,59% dos municípios brasileiros. Para o Distrito Federal o desafio será manter os excelentes índices dos anos anteriores, sempre ficando entre as melhores unidades da federação. Apenas em 2016, foram 252.316 alunos do DF inscritos de 256 escolas com 844 premiados.

Prêmios

A 13ª edição da OBMEP premiará 6,5 mil (500 medalhas de ouro, 1,5 mil medalhas de prata e 4,5 mil medalhas de bronze), e cerca de 46,2 mil menções honrosas. A oportunidade de participar do Programa de Iniciação Científica Júnior (PIC-OBMEP), em 2018, será oferecida aos medalhistas. O aluno com participação regular no PIC tem direito a uma bolsa de Iniciação Científica Jr. do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico (CNPq/MCTI). Também são premiados pela Olimpíada professores, escolas e secretarias de educação de municípios que se destacam em virtude do desempenho dos estudantes. Na página da Olimpíada, podem ser consultados os critérios utilizados nas premiações.

Sobre a OBMEP

A OBMEP é promovida pelo Ministério da Ciência e Tecnologia e pelo Ministério da Educação, e realizada pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e das Secretarias de Educação estaduais e do Distrito Federal.

Em 1970 foi lançada a OBM (Olimpíada Brasileira de Matemática), por iniciativa da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM) e nos últimos 12 anos, a OBMEP e a OBM coexistiram. A partir de 2017, as duas olimpíadas serão integradas, com o objetivo de racionalizar o uso dos recursos humanos e financeiros. As duas fases da OBMEP servirão como classificatória para a OBM, que passará a ter apenas uma etapa, com cerca de mil candidatos. Ou seja, para participar da OBM é necessário que os alunos das escolas públicas ou particulares estejam inscritos na OBMEP 2017.

Informações e regulamento

VOCÊ ESTÁ AQUI: Início