Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal

Escola de Gestão Compartilhada

 

Aqui você pode conferir o que é real e o que é fake news – boato ou mentira – sobre as escolas de gestão compartilhada que estão sendo implantadas pelo Governo do Distrito Federal por meio de parceria entre as secretarias de Educação e a de Segurança Pública.

 

 

⇓clique no banner para saber o que é verdade e mentira⇓


Fique por dentro do projeto
O que é?

O projeto de gestão compartilhada consiste em uma parceria entre a Secretaria de Educação e a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal. As duas pastas estão realizando ações conjuntas a fim de proporcionar uma educação de qualidade para os estudantes da rede pública de ensino do DF, além de construir estratégias voltadas ao policiamento comunitário e ao enfrentamento da violência no ambiente escolar. O objetivo é promover uma cultura de paz e o pleno exercício da cidadania.

 

Destinado a estudantes do 6º ao 9º anos do ensino fundamental e do ensino médio, o projeto começou a ser implementado no início do ano letivo de 2019. A princípio, quatro escolas já receberam o projeto. Posteriormente, a gestão compartilhada poderá ser ampliada para outras unidades escolares.

Conheça as escolas que fazem parte do projeto piloto:

 

Número de estudantes: 1.700 Séries/anos atendidos: 6º ao 9º anos do ensino fundamental; ensino médio; ensino especial

Diretora: Andreia Martin

Endereço: Quadra 5, AE 5, Sobradinho

Telefone: 3387-8868 

_ Número de estudantes: 1.800 Séries/anos atendidos: 4º ao 7º anos do ensino fundamental; ensino médio, EJA (3º segmento) Diretora: Estela Accioly da Silva

Endereço: Setor Central, AE 3, Vila Estrutural

Telefone: 3901-3687

_ Número de estudantes: 2.500 Séries/anos atendidos: 8º e 9º do ensino fundamental; ensino médio; ensino especial (TI/TGD); EJA interventiva (1º e 2° segmento); EJA (2º e 3º segmento) Diretora: Adriana de Barros

Endereço: QNN 13, AE, Ceilândia Oeste

Telefone: 3371-7713

_ Número de estudantes: 956 Séries/anos atendidos: 6º ao 9º do ensino fundamental

Diretor: Márcio Jesus Faria

Endereço: Quadra 308, Conjunto 12, AE, Recanto das Emas

Telefone: 3901-3648

 

 

 

O custo estimado para a implementação do projeto piloto de Gestão Compartilhada é de R$ 200 mil por escola, ao ano. A verba ficará a cargo da Secretaria de Segurança. As escolas também mudaram de nome, acrescentando-se  “Escola da Polícia Militar”.

 

 

 

 

 

A Portaria Conjunta nº 01, de 31 de janeiro de 2019, instituiu o projeto piloto no Distrito Federal, sendo a base legal para a implementação do modelo nas quatro escolas escolhidas.

Como foi a participação da comunidade escolar?

Em todas as escolas houve participação massiva da comunidade escolar. Diretores, professores, estudantes e pais ou responsáveis de alunos se reuniram para decidir democraticamente, por meio de votação, se o projeto deveria ser implementado nas escolas. No Recanto, a comunidade escolar aprovou a implementação do projeto por meio de um abaixo-assinado, com cerca de 1.400 assinaturas de pais ou responsáveis pelos estudantes.

 

No CED 3 de Sobradinho, no CED 1 da Estrutural e no CED 7 de Ceilândia, foram foram realizadas votações e a comunidade escolar aprovou a implementação do projeto.

Pais vão acompanhar a vida escolar dos estudantes por App

 

Os pais ou responsáveis dos estudantes das quatro escolas em que o projeto piloto está sendo implementado vão ter acesso a um aplicativo de celular que vai ajudar no acompanhamento da vida escolar do estudante.

 

O app foi cedido pelo governo de Goiás para a Secretaria de Educação do DF. Nele, haverá acesso aos dados do estudante, aos avisos recebidos por ele, os horários de entrada e saída, as faltas, as ocorrências, como advertências ou elogios e ainda o boletim escolar. Tudo isso para que os pais ou responsáveis possam acompanhar de perto o desempenho do filho na escola.