Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/05/20 às 16h03 - Atualizado em 28/05/20 às 13h12

Inscrições para o Enem são prorrogadas até o dia 27 de maio

COMPARTILHAR

Decisão foi tomada pelo Inep depois de um pedido das secretarias de educação do DF e dos estados

 

Da Redação, Ascom/SEEDF

 

Estudantes de escolas públicas do Plano Piloto na 5ª edição do +Enem, uma série de aulas de reforço promovidas pela regional de ensino, em 2019. Foto: Divulgação/CRE do Plano Piloto

 

Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 terão mais cinco dias para se inscrever pelo endereço eletrônico https://enem.inep.gov.br/. O novo prazo vai até às 23h59 da próxima quarta-feira (27/5). Estudantes da 3ª série do Ensino Médio da rede pública têm direito à isenção. Para os que não estão isentos, a taxa é de R$ 85 e deverá ser paga até 28 de maio.

 

A prorrogação decorre de entendimento entre o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão realizador do exame, durante reunião realizada nesta sexta-feira (22/5).

 

No país, até às 12h desta sexta-feira, 5.151.868 pessoas já estavam inscritas, sendo 5.050.768 na versão impressa e 101.100 na digital.

 

Provas

 

Em junho, o Inep fará uma enquete, na Página do Participante, para definir as datas dos exames nas versões on-line e impresso.

 

O exame prevê quatro provas objetivas, constituídas por 45 questões cada, e a redação. Durante o processo de inscrição, o participante deve selecionar uma opção de língua estrangeira – inglês ou espanhol.

 

O DF conta com cerca de 80 mil estudantes cursando o Ensino Médio em 91 escolas da rede pública que atendem esta etapa educacional. Na 3ª série, são 21 mil.

 

Isenção

 

Além dos estudantes da 3ª série da rede pública, têm direito à isenção da taxa de inscrição:

 

Pessoas que tenham cursado todo o Ensino Médio em escolas públicas ou com bolsa integral na rede privada, além de ter renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio;

 

Aqueles que declararem estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica, por serem membros de família de baixa renda, inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

 

O prazo para que todos os que têm direito à isenção fizessem o pedido ao Inep terminou em 17 de abril. Este ano, em razão da pandemia da covid 19, o órgão anunciou que a concessão da gratuidade será dada sem necessidade de solicitação antecipada pelo participante, como ocorria até o ano de 2017.

 

Preparação dos estudantes

 

Desde a suspensão das aulas presenciais devido à pandemia da covid-19, a Secretaria de Educação tem trabalhado para manter o estudo e a preparação dos alunos para o Enem, o Programa de Avaliação Seriada (PAS), da UnB, e vestibulares.

 

Segundas-feiras e quartas-feiras, são transmitidos programas ao vivo, pelas TVs Justiça e Gênesis, das 9h às 12h, com aulões para o 1º, 2º e 3º ano do Ensino Médio, sobre temas específicos dessas etapas, voltados para o Enem, o PAS e vestibulares. À tarde, nestes mesmos dias, das 13h às 16h, a programação é reprisada pela TV União.

 

Os alunos também podem estudar pela internet. Os professores estão disponibilizando material por meio do Google Sala de Aula. A Secretaria está providenciando uma parceria com operadoras de internet para ofertar pacotes de dados gratuitos aos estudantes e professores que utilizarem a plataforma. Para quem não tem rede em sua região, a SEEDF irá viabilizar uma logística para entrega de material impresso.

 

Em breve, as aulas pela TV e pela plataforma contarão como horas letivas. O plano do ensino mediado na rede pública do educação do Distrito Federal está em consulta pública. Podem enviar contribuições estudantes, professores, servidores, pais e responsáveis, e todas as demais pessoas que estiverem interessadas.

 

👉🏼 Acesse a Consulta Pública da SEEDF

 

👉🏼 Visite a Página do Participante do Enem